Loading...

Notícias

Exemplo de liderança no setor de energia

Em um mundo cada vez mais competitivo, nada mais importante do que inovar e influenciar, positivamente, todo um setor. A visão de futuro, a coragem para quebrar paradigmas e a forma como um líder conduz seu time de profissionais também são cruciais para o crescimento do negócio. E foram essas características que elegeram Julian Nebreda, presidente da AES Brasil, como um dos líderes mais influentes do setor elétrico pela revista Full Energy, na categoria Sustentabilidade.

Pela segunda vez, a revista realiza o prêmio 100 mais Influentes da Energia, como forma de reconhecer as personalidades que refletem liderança, coragem, inovação, empreendedorismo e excelência em gestão no setor elétrico.

“Antes de tudo, é uma honra estar entre os mais influentes em um setor tão importante para o desenvolvimento econômico e social do País. Temos a consciência da importância das soluções inovadoras em energia que prestamos aos nossos clientes, e dos impactos das nossas operações em toda a sociedade e no meio ambiente. Acredito que esse reconhecimento reforça o quanto acredito no exemplo pela gestão e na visão estratégica para o setor”, comemora Julian.

Crescimento Sustentável em 2017

Neste ano, fizemos importantes aquisições, que contribuem para o compromisso de expansão da companhia de ter 50% do nosso EBITDA formado por fontes não hidráulicas até 2020. São elas:

Alto Sertão II: complexo solar localizado no sudoeste da Bahia, com potência instalada de 386,1 MW e 230 aerogeradores, distribuídos em 15 parques eólicos. O empreendimento faz parte do maior parque eólico da América Latina e foi adquirido por R$ 650 milhões.

Boa Hora: o projeto solar tem capacidade total projetada de 91 MWp e o valor total da aquisição é de R$ 75 milhões. Recentemente, a companhia conseguiu autorização da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) e do Ministério de Minas e Energia para transferência do local de construção do complexo solar, que será feito no município de Ouroeste, no estado de São Paulo.

Guaimbê: a AES Tietê assinou um acordo de investimento de R$ 650 milhões com o Grupo Cobra Brasil para aquisição de um projeto solar fotovoltaico localizado no município de Guaimbê, no estado de São Paulo. O projeto terá potência instalada de 180 MWp.

E, para atender à demanda dos nossos clientes por energia renovável e com interesse em reduzir suas emissões de gases poluentes, estamos operando, de forma pioneira no Brasil, a comercialização do REC (Renewable Energy Certificate), um certificado internacional que comprova a geração de energia originada por fontes renováveis.

Perspectivas para 2018

Para Julian, o mercado nacional é bastante promissor e permite o crescimento em diferentes fontes de energia e a entrada de novas tecnologias, como as baterias utilizadas para armazenamento.

“A economia brasileira já está dando sinais de melhoria e acreditamos que, no ano que vem, voltará a crescer. Continuaremos buscando a inovação em tudo que fazemos e analisando oportunidades de crescimento em fontes renováveis, com contratos de longo prazo. Tudo isso para agregar mais valor aos nossos clientes e acionistas, e garantir o desenvolvimento sustentável da companhia com benefícios percebidos por todos os públicos com os quais nos relacionamos”, ressalta o executivo.