Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal

Conheça o Programa

Pesquisa & Desenvolvimento
 
 
O Programa de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) na AES Tietê é uma importante ferramenta para a companhia promover melhorias contínuas na prestação do serviço, com a qualidade e a confiabilidade esperada por seus consumidores, parceiros, colaboradores e acionistas.
 
Anualmente, a empresa destina 0,40% de sua receita operacional líquida em projetos de processos técnicos, comerciais e operacionais; no desenvolvimento de tecnologias mais eficazes; na redução de impactos ambientais; na segurança de colaboradores e empregados terceirizados e na promoção de iniciativas sustentáveis para as comunidades.
 
Em 2015, foram finalizados 16 projetos, onde foram aplicados R$ 32,41 milhões em recursos.
 
Em total de recursos para projetos finalizados e em andamento, foram investidos R$ 10,13 milhões.
 
O saldo da conta de investimentos no final de Dezembro de 2015 na AES Tietê foi de         R$ 4,3 milhões (exceto Selic).
 
 
 
 
Projetos Concluídos em 2015
 
 
Projeto nº: 0064-1005/2010
Título do Projeto: Centro de Diagnóstico de Segurança de Barragens da Geração AES Brasil (CDSB).
Prazo de Execução: 60 meses
Objetivo: Desenvolvimento de um sistema especialista para diagnosticar automaticamente o comportamento das estruturas civis dos empreendimentos de geração da AES Brasil.
Descrição Técnica: Desenvolvimento de uma metodologia a ser implementada através de uma ferramenta computacional capaz de monitorar e diagnosticar o comportamento de barragens. No campo da inovação, entre outros produtos, serão utilizadas técnicas de inteligência artificial baseadas em Sistemas Especialistas, Redes Neurais e Lógica Fuzzy para gestão do conhecimento do pessoal das usinas com relação a falhas que não tenham sido previamente cadastradas no sistema.
Entidades Participantes: Sinergia - Soluções em Engenharia, Desek Ltda, FUSP-Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo e M&D- Monitoração de Diagnose Ltda.
Valor Total Investido: R$ 3,2 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1004/2010
Título do Projeto: Estudo e desenvolvimento de avaliação de integridade de estrutura metálica envolvente e monitoramento de componente de hidrogeradores.
Prazo de Execução: 57 meses
Objetivo: Desenvolvimento de metodologia e sistema de medição para realizar avaliação do estado de preservação de estruturas em usinas hidrelétricas.
Descrição Técnica: Metodologia que consiste na utilização de técnicas não invasivas com múltiplas grandezas para caracterizar o estado de preservação de componentes metálicos e envolventes das máquinas geradoras. A metodologia proposta traz avanços ao setor elétrico com uma abordagem criteriosa e incorporação de análises de integridade estrutural antes somente aplicados ao setor de petróleo e gás. A metodologia foi consolidada em um procedimento detalhado para sua aplicação. A instrumentação necessária também foi objeto de desenvolvimento e adequação para garantia da confiabilidade dos resultados. A aplicação do método permite planejar intervenções de manutenção e evitar indisponibilidades não programadas.
Entidades Participantes: Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento.
Valor Total Investido: R$ 0,68 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1006/2010
Título do Projeto: Gerenciamento de Ações Emergenciais da Geração AES Brasil (SGAE).
Prazo de Execução: 56 meses
Objetivo: Integração da base tecnológica de informações para gestão de emergências hidrológicas, atualização de bases de informações, análise de cenários de emergências hidrológicas e elaboração de Planos de Ação Emergencial para o Sistema AES Tietê.
Descrição Técnica: Para o desenvolvimento do Simulador hidrológico hidráulico foi necessários desenvolver sete elementos, como: - Banco de dados SGAE; - Aplicativo para carga de dados; - Aplicativo para previsão de vazões (Simulador Hidrológico); - Aplicativo para previsão de níveis d´água (Simulador Hidráulico); - Aplicativos ftpscript e ctlscript; - Aplicativo Gerador de Manchas; - Aplicativo Manipular Pontos. Para o desenvolvimento do Gerenciado de Banco de Dados, foi usada a ferramenta do tipo Oracle que suporta o armazenamento de dados georeferenciados, sendo visualizados por meio do MapServer, que é um servidor de mapas. Essa ferramenta disponibiliza dados espaciais, imagens de satélite e dados tabulares e permite ao usuário interagir com mapas dinâmicos. Além disso, permite também a realização de consultas, criação de mapas temáticos e de relatórios.
Entidades Participantes: FCTH – Fundação Centro Tecnológico de Hidráulica.
Valor Total Investido: R$ 1,8 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1003/2010
Título do Projeto: Desenvolvimento de Dispositivo para Teste de Carga e Frenagem em Sistemas de Içamento, aplicando-se a técnica de Emissão Acústica para análise estrutural dos Sistemas.
Prazo de Execução: 57 meses
Objetivo: Desenvolvimento de um dispositivo mecânico transportável, a ser utilizado para testes de carga não destrutivos em sistemas de içamento, como pórticos e pontes rolantes.
Descrição Técnica: Dispositivo mecânico transportável, com utilização em testes de carga não destrutivos em sistemas de içamento, como pórticos e pontes rolantes. O dispositivo foi projetado para um teste de carga não destrutivo de até 350 toneladas, auxiliado por um sistema operacional (célula de carga e software). Para a análise estrutural, utilizou-se técnica de emissão acústica a qual permite a localização de uma descontinuidade, quando estimulada.
Entidades Participantes: Instituto de Tecnologia para o Desenvolvimento.
Valor Total Investido: R$ 0,82 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1007/2010
Título do Projeto: Estudo da produção de hidrogênio e energia elétrica a partir da eletrólise da água e de célula a combustível utilizando a energia não assegurada das UHEs da AES Tietê.
Prazo de Execução: 60 meses
Objetivo: Objetivo principal do projeto é avançar no estágio tecnológico, incluindo aspectos técnicos, econômicos e ambientais, da produção de hidrogênio, através do processo de eletrólise da água e do aproveitamento da energia não assegurada das UHEs da AES Tietê, e sua utilização na geração de energia elétrica a partir da tecnologia de célula a combustível.
Descrição Técnica: O principal produto obtido foi a produção de hidrogênio e de eletricidade na planta experimental instalada no LH2 da UNICAMP. O hidrogênio foi produzido através da eletrólise da água utilizando o eletrolisador da Nitidor, com capacidade de produção de 5 Nm3/h. Esse processo exige o consumo de eletricidade e, por isso, foi realizado o estudo preliminar do aproveitamento da energia não assegurada (referente à energia vertida turbinável - EVT) das principais UHEs da AES Tietê. Já a energia elétrica foi produzida na planta experimental utilizando o hidrogênio na célula a combustível da Battistella, de capacidade nominal de 5 kW. A partir dos dados experimentais obtidos foi estimada a produção de hidrogênio das UHEs da empresa no horário fora de ponta de carga e sua posterior reconversão em eletricidade no horário de ponta; realizada a análise econômica preliminar de sua utilização no mercado local; e quantificadas as emissões de CO2 evitadas na rede do SIN com esse processo.
Entidades Participantes: HYTRON - Assessoria Tecnológica em Energia e Gases Industriais LTDA e AQUA GENESIS - Instituto para Estudo e Projetos em Energia, Hidrogênio e Meio Ambiente.
Valor Total Investido: R$ 2,4 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1010/2010
Título do Projeto: Avaliação da confiabilidade e expectativa de vida útil de transformadores de potência por meio da correlação entre novos ensaios elétricos da parte ativa e físico-químicos do óleo isolante.
Prazo de Execução: 58 meses
Objetivo: O estudo visou desenvolver metodologia de avaliação da confiabilidade de transformadores de potência por meio da correlação entre novos ensaios elétricos da parte ativa e físico-químicos do óleo isolante.
Descrição Técnica: Metodologia de avaliação da confiabilidade de transformadores de potência por meio da medição de descargas parciais em campo, da avaliação do teor de água do isolamento sólido por coleta de dados "on-line" e da medição de ácidos de baixa massa molar do óleo isolante em laboratório.
Entidades Participantes: ZHZ Comércio e Serviço de Pesquisa e Desenvolvimento LTDA.
Valor Total Investido: R$ 0,99 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1012/2010
Título do Projeto: Desenvolvimento de sistema de comunicação e localização de pessoas em espaços confinados e galerias da UHE.
Prazo de Execução: 59 meses
Objetivo: O projeto teve por objetivo o desenvolvimento de um sistema de comunicação e localização de pessoas com piloto implantado e avaliado em duas galerias da UHE de Avanhandava.
Descrição Técnica: Localização pessoas em galerias com visualização gráfica da posição via triangulação de sinais. Comunicação via protocolos VoIP entre operadores e sala comando. Monitoração imagens em tempo real, alertas de acesso ambientes monitorados e alertas de pânico. Subsistema de supervisão responsável pelo processamento e apresentação das informações em interface gráfica. Subsistema móvel responsável pela captura dos sinais RF nas galerias, envio das informações de potência e origem desses sinais para a estação de processamento, envio de alertas de pânico ou anormalidade e comunicação com a sala comando via VoIP. Monitoramento contínuo de gases nos ambientes aumentando a segurança. Desenvolvidos 2 módulos com 16 sensores para aquisição de sinais e transmissão e servidor para formação banco de dados medidas coletadas e visualização gráfica. Funcionário, antes adentrar na galeria, verifica medidas via gráfico de barra/linear no monitor servidor ou dispositivo móvel, bem como as últimas 24 horas.
Entidades Participantes: Fundação para Inovações Tecnológicas – FITec E UNESP  Fundação da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.
Valor Total Investido: R$ 1,7 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1013/2010
Título do Projeto: Modelagem Matemática de Processos e Sistemas de Usinas Hidroelétricas e Eclusas e Desenvolvimento de Plataforma Computacional para o Centro de Operações da Geração da AES Tietê em Bauru/SP.
Prazo de Execução: 60 meses
Objetivo: O objetivo geral é a pesquisa aplicada e o desenvolvimento de soluções inovadoras, nos termos da Resolução Normativa ANEEL 316/08, para a garantia da excelência operacional nas Usinas Hidroelétricas da AES Tietê.
Descrição Técnica: O produto do projeto foi um protótipo da plataforma computacional ARMAS (Availability/Reliability Multi-Agent System) para o COG-Bauru da AES Tietê, um sistema de supervisão complementar, baseado em técnicas computacionais avançadas que incluem, entre outras: processamento distribuído e colaborativo, inteligência artificial, processamento de imagens, reconhecimento de padrões, comunidade de agentes autônomos, algoritmos markovianos e matriciais de propagação de falhas. O sistema ARMAS foi concebido para complementar o sistema de supervisão e controle da geração, e o sistema de gestão da hidrovia, fornecendo informação relevante para a garantia da confiabilidade e da segurança da operação, contribuindo ao aumento da disponibilidade, e a otimização dos recursos humanos disponíveis.
Entidades Participantes: D&D – Soluções em Matemática Computacional LTDA.
Valor Total Investido: R$ 2,0 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1016/2010
Título do Projeto: Unidade auxiliar de geração de eletricidade com célula a combustível alimentada com hidrogênio obtido de etanol.
Prazo de Execução: 57 meses
Objetivo: Desenvolver um protótipo de gerador de energia elétrica integrado por subsistema de reforma não catalítica de etanol para produção de hidrogênio, célula a combustível tipo membrana de troca de prótons e inversor para conexão à rede elétrica.
Descrição Técnica: O presente projeto buscou o desenvolvimento de uma unidade auxiliar de geração de eletricidade, uma tecnologia de geração distribuída de energia fundamentada no uso do etanol como combustível primário. Para a geração do combustível do sistema de células HT-PEM explorou-se o processo de oxidação parcial não-catalítica do etanol. O principal produto inovador do projeto é a unidade de reforma de etanol, operando com um reator não catalítico, através do processo de oxidação parcial. Esta etapa termoquímica deu origem a uma corrente gasosa denominada gás reformado. Como maior parte das atividades técnicas deste projeto buscou-se desenvolver o processo termoquímico de forma a determinar as condições de integração aptas à geração de um reformado com especificação adequada para aplicação em sistemas HT-PEM, resultado de um processo otimizado, ou seja, minimizando-se a relação (Etanol Processado por kWh Gerado).
Entidades Participantes: HYTRON – d Com e Assessoria Tecnológica.
Valor Total Investido: R$ 3,6 milhões. 
 
Projeto nº: 0064-1017/2010
Título do Projeto: Metodologia e plataforma computacional para avaliação da confiabilidade humana em atividades de operação e manutenção em empresas de geração de energia elétrica.
Prazo de Execução: 50 meses
Objetivo: O objetivo deste projeto consiste no desenvolvimento de uma metodologia e plataforma computacional para avaliação da confiabilidade humana em atividades de operação e manutenção em empresas de geração de energia elétrica.
Descrição Técnica: O produto foi um software contendo uma metodologia para estimar o nível de risco decorrente de falhas humanas em atividades típicas de OeM em geração de energia em usinas hidrelétricas. Esta considera diferentes elementos: o profissional, a empresa, o ambiente da usina, a tarefa. Para o uso em situações reais, foi desenvolvido um software (SARO-H) contendo esta metodologia para realizar cálculos de forma rápida e precisa para gerar informações para os gerentes em situações reais de campo. Com base nas variáveis de entrada que são perfil psicológico, características da tarefa, aspectos da empresa, presença de substâncias medicamentosas, o modelo computacional realiza uma série de cálculos (Fuzzy, ponderações, etc) de modo a gerar uma estimativa de risco de falhas humanas naquelas condições específicas. Desta forma, o profissional pode tomar decisões com informações geradas no momento em que se realizam as atividades em campo.
Entidades Participantes: Fundação para o Desenvolvimento de Bauru.
Valor Total Investido: R$ 2,2 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1019/2010
Título do Projeto: Incremento da Eficiência e Confiabilidade do Serviço Auxiliar de Usinas Hidrelétricas.
Prazo de Execução: 51 meses
Objetivo: Incremento da Eficiência e Confiabilidade do Serviço Auxiliar de Usinas Hidrelétricas.
Descrição Técnica: O produto principal desenvolvido é um sistema de controle de sincronização e de despacho de potência ativa em geradores síncronos auxiliares de usinas UHE baseado em tecnologia FACTS. Este controle permite a conexão de geradores auxiliares a um barramento energizado, possibilitando que os serviços auxiliares de UHEs possam ser alimentados simultaneamente por mais de uma fonte.
Entidades Participantes: Fundação para o Desenvolvimento de Bauru.
Valor Total Investido: R$ 2,5 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1021/2010
Título do Projeto: Modelagem multiobjetivo e plataforma computacional para otimização de grupos de projetos de melhorias operacionais do segmento de geração de energia elétrica.
Prazo de Execução: 54 meses
Objetivo: O projeto tem como objetivo principal o desenvolvimento de modelagem multiobjetivo e plataforma computacional para otimização de grupos de projetos de melhorias operacionais do segmento de geração de energia.
Descrição Técnica: O produto foi um software contendo a metodologia desenvolvida de modo a selecionar os projetos de melhorias operacionais a serem incluídos no orçamento em cada ano. Este software considera uma série de variáveis de entrada: data de início, duração do projeto, custo inicial, custos ao longo do tempo, valor do risco eliminado, restrição de recursos físicos. Além disso, a ferramenta computacional considera as dependências entre projetos e a flexibilidade para início em alguns períodos à frente ou antes da data pré-definida. Este software foi desenvolvido segundo os critérios da empresa de geração de energia de modo que possa ser usado em situações reais do dia-a-dia . A metodologia de seleção de projetos envolve uma heurística (GRASP) adaptada para a solução deste problema onde há milhões de combinação que devem ser testadas pelo algoritmo de modo a selecionar diversos portfólios de projetos para auxiliar na decisão final do gerente.
Entidades Participantes: Fundação para o Desenvolvimento de Bauru.
Valor Total Investido: R$ 2,0 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1022/2010
Título do Projeto: SISNAVEGA -Sistema de monitoramento das embarcações na Hidrovia Tietê-Paraná.
Prazo de Execução: 53 meses
Objetivo: Desenvolver e testar em condições operacionais um sistema para auxílio de aproximação e entrada de barcaças em eclusas da hidrovia Tietê-Paraná com indicativo sinalizado por luzes e/ou GPS, por meio de modelagem física e hidrodinâmica de pressão, produzida pela velocidade e direção do vento e pelo arraste de ondas sobre a área estrutural dos comboios.
Descrição Técnica: SISNAVEGA, software de rastreamento satelital, responsável pelo monitoramento de embarcações na Hidrovia Tiete-Paraná. Permite a visualização em tempo real de embarcações na Hidrovia Tiête-Paraná. O sistema reúne em um único banco de dados, as localizações de embarcações monitoradas por empresas especializadas em rastreamento satelital. Desta forma, o Sisnavega dispõe em uma base cartográfica, as localizações de embarcações monitoradas, gerando informações importantes para o gerenciamento e planejamento no uso das eclusas e da hidrovia, agregando maior segurança a navegação. Sistema de auxilio para aproximação de embarcações em processos de transposição de barragens, composto de circuito eletrônico computacional com sensores embarcados, anemômetro, GPS e bússola eletrônica, que são utilizados para compor o rumo da proa entre a embarcação e a eclusa, ou seja, o heading real.
Entidades Participantes: Fundação de Ensino e Pesquisa de Ilha Solteira.
Valor Total Investido: R$ 1,2 milhões.
 
Projeto nº: 0064-1024/2010
Título do Projeto: Projeto Estratégico 10/2010 - Efeitos de Mudanças Climáticas no Regime Hidrológico de Bacias Hidrográficas e na Energia Assegurada de Aproveitamentos Hidrelétricos.
Prazo de Execução: 47 meses
Objetivo: O objetivo principal desse projeto é quantificar as possíveis alterações de energias asseguradas das usinas hidrelétricas do Sistema Interligado Nacional da Bacia do Rio Paraná, Xingu, Tocantins, São Francisco, Uruguai e Iguaçu, considerando projeções de mudanças climáticas de modelos atmosféricos integradas com modelos hidrológicos distribuídos de grande escala para geração de vazões afluentes. Além da análise da variação da energia assegurada para o parque gerador atual, será feita uma avaliação da energia assegurada para o parque proposto no PNE2030.
Descrição Técnica: O projeto visa atender tecnicamente os seguintes elementos:
1-) Criar séries estocásticas de vazões que considere:
a-) Cenários de mudanças climáticas gerados por modelos atmosféricos e hidrológicos com precisão adequada;
b-) Cenários de uso consuntivo da água;
c-) Incorporação de cenários para uso do solo;
d-) A estrutura necessária de séries temporais para acoplar ao modelo de otimização energética, atuais e os em desenvolvimento na Chamada Aneel 01;
e-) O efeito da evaporação.
2-) Avaliar as mudanças na disponibilidade hidroenergéticas do SIN em função das novas características das vazões obtidas pelo modelo hidrológico / séries temporais.
3-) Avaliar como as mudanças climáticas globais, o uso consuntivo e do solo afetam as vazões nas bacias hidrográficas. Nesta questão serão observados os potencias conflitos existentes como o uso para navegação, irrigação, saneamento, etc.;
4-) Avaliar a adequação do modelo PAR (periodico auto-regressivo) identificando o efeito da não-estacionaridade advinda das alterações climáticas;
5-) Avaliar como as alterações no clima podem afetar a geração de energia hidrelétrica, e quais os possíveis impactos nos montantes de energia assegurada de cada aproveitamento.
6-) Avaliar de forma expedita como as mudanças climáticas podem afetar os custos operacionais individuais das centrais hidrelétricas.
7-) Estabelecer procedimentos para avaliação da geração hidrelétrica, e as devidas alterações decorrentes das alterações climáticas focando nos três principais passos: simulação dos cenários de clima e "downscaling"; simulação da hidrologia; e, simulação do modelo energético.
8-) Avaliação das evidências dos impactos na capacidade de armazenamento e de regularização de vazões.
Entidades Participantes: Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Marangon Consultoria e Engenharia, IX Consultoria e Representações LTDA, Associação dos Pesquisadores do Experimento de Grande Escala da Biosfera na Amazônia – APLBA, Andrade & Canellas Consultoria e Engenharia e Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul.
Valor Total Investido: R$ 3,0 milhões (valor AES Tietê)
 
Projeto nº: 0064-1026/2011
Título do Projeto: Centro de Monitoramento de Grandezas Físicas e Diagnóstico de Condições de Segurança do Trabalho aos Funcionários nas UHEs.
Prazo de Execução: 42 meses
Objetivo: O objetivo principal deste projeto é o desenvolvimento de um dispositivo eletrônico microprocessado para monitoramento de grandezas físicas (ruído, vibração, pressão, temperatura, gases, luminosidade, etc.), relacionadas às condições de segurança exigidas no ambiente de trabalho bem como o desenvolvimento de uma plataforma computacional inteligente e integrada ao dispositivo para diagnóstico on-line dos riscos aos quais os trabalhadores estão susceptíveis, visando a prevenção de acidentes e melhoria da qualidade de vida dos funcionários.
Descrição Técnica: Desenvolvimento de um dispositivo eletrônico microprocessado para monitoramento de grandezas físicas em UHEs (ruído, vibração, calor, gases, luminosidade, radiação não ionizante) relacionadas às condições de segurança exigidas no ambiente de trabalho bem como o desenvolvimento de uma plataforma computacional inteligente e integrada ao dispositivo para diagnóstico dos riscos aos quais os colaboradores estão sujeitos, visando a prevenção de acidentes e melhoria da qualidade de vida. O sistema é composto por módulos de medição desenvolvidos que se comunicam remotamente por uma rede sem fio a um concentrador que incorpora um software de diagnóstico possibilitando avaliar múltiplos riscos entre as diversas grandezas físicas monitoradas. O grande diferencial do produto é a possibilidade de monitorar continuamente diversas grandezas e avaliar o efeito múltiplo das mesmas no ambiente de trabalho as quais os colaboradores estão expostos permitindo uma tomada de decisão imediata.
Entidades Participantes: Fundação para o Desenvolvimento de Bauru - FUNDEB.
Valor Total Investido: R$ 1,3 milhões. 
 
Projeto nº: 0064-1029/2011
Título do Projeto: Desenvolvimento de Método para Avaliação de Degradação e Predição de Confiabilidade de Hidrogeradores: integração entre condições operacionais e dados de monitoração de processo para a gestão de ativos.
Prazo de Execução: 38 meses
Objetivo: O objetivo deste projeto de pesquisa é desenvolver um método de predição de probabilidade de falha de componentes de hidrogeradores, que integre os parâmetros de condição (obtidos dos registros da monitoração da condição de componentes críticos), dados de processo (condições de operação do hidrogerador demandadas pelo ONS) e registro de inspeções preventivas utilizando modelos matemáticos visando avaliar a degradação de componentes do hidrogerador.
Descrição Técnica: Software para a realização de análise de confiabilidade de componentes eletromecânicos (métodos clássicos) e por métodos inovadores desenvolvidos na pesquisa (para mancais, isolamento do estator e turbina) visando a predição de tempo operacional dos compenentes presentes em UHEs para antecipação de falhas. Por meio de uma plataforma computacional desenvolvida em parceria com o fabricante de software Reliasoft tornou-se possível a otimização dos intervalos de intervenção de manutenção programada bem como a consulta a banco de dados de falhas de máquinas possibilitando ações estratégicas de gestão de ativos para empresas de geração de energia.
Entidades Participantes: Fundação Para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia.
Valor Total Investido: R$ 3,0 milhões.
 
 
Projetos Reconhecidos pela ANEEL em 2015
 
Projeto nº: 0064-1015/2012
Título do Projeto: SAPEHTH - Sistema de avaliação de perdas energéticas em hidroelétricas causadas por transporte hidroviário.
Prazo de Execução: 34 meses
Objetivo: O desenvolvimento do projeto contempla estudos de um sistema que avalie as perdas na geração hidroelétrica causada pela necessidade de uso da água para as operações em eclusas, manutenção de níveis e vazões adequados para garantir profundidades adequadas para navegação fluvial.
Descrição Técnica: Este trabalho apresenta um modelo computacional de otimização que busca soluções ótimas em um ambiente multiobjetivo. Procura-se fazer o planejamento da operação de sistemas hidroelétricos com o aproveitamento hidroviário. O modelo pretende avaliar os impactos causados na geração hidroelétrica em função de necessidades operacionais da hidrovia. O modelo SAPEHTH foi formulado em ambiente de planilha eletrônica dotada de recursos VBA. O modelo faz a montagem automática do arquivo de otimização padrão GAMS e através de macros operacionaliza o módulo de otimização, bem como toda a interface gráfica de resultados. Com os resultados da aplicação do modelo verificou-se que os resultados são de grande interesse para o setor elétrico brasileiro e também para o departamento hidroviário.
Entidades Participantes: Fundação para Desenvolvimento da UNICAMP.
Valor Total Investido: R$ 0,43 milhões. 

 

Dúvidas, sugestões, comentários ou propostas de projetos:  inovacao.aesbrasil@aes.com​


 

 

 

Está interessado?

Então entre em contato com a AES Tietê para mais informações:


Telefones: (11) 2195 2531 - (11) 2195 6830

E-mail: aestietecomercial@aes.com